Notícias

Raça Negra e o pagode cult

04/02/2013

Foi com os hits “Cheia de manias”, “É o amor” e “Será” que o Raça Negra deu início ao show de lançamento do DVD Raça Negra & Amigos, realizado no HSBC Brasil,em São Paulo, no sábado 2. Um repertório vasto de pagodes românticos foi de encontro a um público democrático, formado por crianças, adultos, casais.

Se antes o grupo era proibido entre roqueiros e adoradores da “boa música”, agora ganhou status de “cult” entre os que querem reviver os anos 90 – década em evidência nos últimos tempos. Daí um público tão inusitadamente diversificado. Em um show do Raça Negra, é possível se deparar com um fã de indie rock cantando de olhos fechados: “Você jogou fora o amor que eu te dei, o sonho que sonhei. Isso não se faz…”.

Para embalar os novos e antigos admiradores, o vocalista Luiz Carlos vem acompanhado de uma pequena orquestra do pagode: sopros, coro feminino, forte percussão. Chama a atenção a presença central do violão, tocado por Fabinho César e utilizado como principal instrumento de harmonia do grupo, que ainda contou com participações de Dodô, do Grupo Pixote, e Rafael, filho de Luiz. Juliana, filha do vocalista, também integra a banda como backing vocal e interpreta uma canção como voz principal.

Ao fim do show, o Raça Negra ainda passa pelo hit da Jovem Guarda “O bom” e retorna ao sucesso “Cheia de manias”, que encerra a noite.

 

 

 

 

Fonte: msn.showlivre.com.br

 

 

 


Esta notícia foi visualizada 544 vez(es).


Mais notícias

Desenvolvido pelo Núcleo de Informática/NI
CSS xHTML
Avenida Batista Bonoto Sobrinho, 733 - Santiago/RS - 97700-000 - Fones: 0xx55 32513151 / 3251-3157