Notícias

Dicas da estreia do 106 nas Férias

13/01/2015

Na segunda, 12, foi a estreia do programa 106 nas Férias, programa com repertório musical diferenciado e cheio de dicas para as férias, para o verão. Confira a edição apresentada na estreia:

 

- Nas férias, troque o look formal por um mais despojado, troque o scarpin pela rasteirinha. O que a gente mais deseja é conforto, mas dá para tê-lo como prioridade sem dar um ponta pé na elegância. No topo da lista, está o macacão: Superpráticos, do tipo “vestiu saiu” eles favorecem todos os tipos físicos e ainda alongam a silhueta. Quanto aos shorts, dá sim para montar um look charmoso com eles! Mesmo com uma combinação básica, tipo shorts mais regata, basta uma rasteira mais estilosa e um colar para deixar o look mais chique. Vestidos curtos são a peça-chave do verão. Práticos, femininos e confortáveis ao mesmo tempo, pode-se usá-los em todas as ocasiões. De tecidos fresquinhos, como viscose ou algodão, e modelagens mais soltas, as saias e os vestidos longos são ótimos parceiros no verão. A ideia é que sejam modelos alegres, leves e coloridos como a estação mais quente do ano.

 

- Vamos falar de viagem: Esperar uma semana para viajar, trocar o destino da viagem e planejar os gastos com antecedência são medidas que podem fazer a diferença entre férias com e sem dinheiro no bolso. Segundo a Associação Brasileira de Agências de Viagens, a ABAV, as viagens mais caras são no Réveillon, Carnaval e Natal. Pesquisar preços pela internet e comprar pacotes prontos também é uma maneira de economizar, mas aí é preciso cuidado para não deixar que o barato saia caro. Um exemplo, são anúncios de passagens aéreas muito baratas. O preço final é bem mais caro, pois embutem as taxas e outras cobranças.

 

- Estudos apontam que, para conseguir descansar plenamente, os profissionais devem se desconectar por completo durante as férias, mesmo que seja apenas durante parte deste período. Infelizmente, algumas funções simplesmente não permitem que isso aconteça. Neste caso, é fundamental que o profissional limite a uma ou, no máximo, duas vezes por dia, um período breve para leitura e resposta de e-mails, além do retorno das ligações mais importantes. Em ambos os casos, para que isso funcione, é fundamental que o profissional e a empresa se organizem para que exista uma substituição temporária das principais atividades e que os contatos se restrinjam a reais emergências.

 

Nas férias, a 106 pensa em você!

 

 

Confira hoje, a partir das 13h, mais uma edição do programa

 

 

Núcleo de Comunicação

URI- Santiago


Esta notícia foi visualizada 381 vez(es).


Mais notícias

Desenvolvido pelo Núcleo de Informática/NI
CSS xHTML
Avenida Batista Bonoto Sobrinho, 733 - Santiago/RS - 97700-000 - Fones: 0xx55 32513151 / 3251-3157