Notícias

Conexão: aulas inaugurais na URI Santiago

04/03/2015

- O fim do pedágio para os eixos suspensos de caminhões sem carga, previsto na sanção sem vetos da Lei dos Caminhoneiros, poderá ser convertido em cobranças maiores aos usuários das estradas federais e estaduais, para compensar a perda na arrecadação, preveem representantes de caminhoneiros e concessionárias das rodovias.

 

Os contratos de concessão de rodovias com os governos poderão ser revistos, uma vez que, ao contrário da nova lei, eles fixam a tarifa por todos os eixos dos veículos, inclusive os suspensos (sem uso).

 

Representantes da Associação Brasileira de Concessionárias de Rodovias (ABCR) decidiram em reunião na tarde da terça-feira (3) que o setor tomará "medidas cabíveis" para aplicar a cláusula de reequilíbrio econômico, presente em todos os contratos rodoviários, para compensar as perdas com a suspensão do pedágio.

 

Na prática, as concessionárias poderão elevar as tarifas cobradas aos usuários de outros veículos para repor a menor arrecadação. Como a Lei dos Caminhoneiros é nacional, os governos estaduais poderão ter que negociar com o governo federal para adequar os contratos à nova regra.

 

- Estamos na época das aulas inaugurais da URI Santiago: Terça-feira (03), foi a aula inaugural do curso de Ciência da Computação (foto), a qual contou com a egressa Renata Martinuzzi de Lima, que relatou sua experiência vivenciada através do Programa Ciência sem Fronteiras. Nesta quarta a noite, o curso de Arquitetura e Urbanismo deverá ter a sua aula inaugural. As aulas inaugurais são uma forma de recepcionar os bixos, apresentando aos mesmos um pouco sobre o curso que cursarão nos próximos anos. 

 

 

Foto: professor Luiz Henrique

 

- 9ª Mostra Cinema e Direitos Humanos- Democratizando:
Inscrições: até 09/03                    Horário: Tarde e noite
Local de Inscrições: Coordenação do CineClio e DCE

 



Início da Atividade: 09/03 Término: 11/03
Local de realização: Auditório da URI Santiago

 

A 9ª Mostra Cinema e Direitos Humanos no Hemisfério Sul, é uma iniciativa da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República em parceria com o Ministério da   Cultura  - MinC. Ocorrerá também em Santiago, através do CineClio Cineclube santiaguense, ligado a URI Santiago. O projeto Democratizando contempla  uma cinematografia de enfrentamento, cuja dimensão estética e política, escapam a massificação das salas de cinema comerciais do país.

 



 

- Lembretes: A URI publicou edital de seleção de auxiliar administrativo- programador de sistemas.

 

Sexta-feira, Almoço a Brasileira Especial Dia da Mulher. Domingo, a rádio terá programação especial Dia da Mulher

 

 

Núcleo de Comunicação

URI- Santiago



Esta notícia foi visualizada 327 vez(es).


Mais notícias

Desenvolvido pelo Núcleo de Informática/NI
CSS xHTML
Avenida Batista Bonoto Sobrinho, 733 - Santiago/RS - 97700-000 - Fones: 0xx55 32513151 / 3251-3157